QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019 ↣ Consulta, Tabela e Valores!

Se você não tem certeza se é um dos milhões de brasileiros quem tem direito ao PIS 2019, é bem simples descobrir. Com algumas informações que devem ser consideradas, e estando dessas determinações, você terá direito ao PIS 2019.

Se você se inclui dentro das condições propostas pela Caixa Econômica em união ao Governo Federal, poderá sacar o benefício do PIS. Leia atentamente todas as informações sobre quem tem direito, como realizar a consulta e inscrição.

Aprenda mais sobre o PIS

O PIS 2019 é um benefício da Caixa, que foi instituído em 1970, criado como o Programa de Integração Social. Esse programa buscava integrar o trabalhador com o desenvolvimento da empresa, dando à ele uma bonificação por serviços prestados, além de ter um cunho social.

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019

A intenção do Governo Federal ao instituir o Caixa PIS, foi associar empregadores e empregados, solidificando as bases de trabalho e aumentando a formalização da mão de obra.

Como saber se tenho direito ao PIS 2019?

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019

O pagamento do PIS é feito pelas agências conveniadas ao Governo e ao Ministério do Trabalho, como a Caixa Econômica Federal e Lotéricas associadas. Terão direito ao PIS 2019 todas aquelas pessoas com:


  • Tempo de contribuição: O trabalhador precisa estar incluído no sistema do PIS há, no mínimo, cinco anos. Sempre que o empregador registra o trabalhador, ele passa a fazer parte do sistema PIS. Ou seja, se há pelo menos cinco anos você tiver em regime de trabalho formal, está dentro dessa atribuição.

  • Remuneração mensal: Todos os trabalhadores que recebem até dois salários mínimos mensais, têm o direito de receber o benefício PIS. Hoje, o salário mínimo conta o valor de R$ 954. Portanto, se a sua renda mensal for de até R$ 1.908 reais, você também está enquadrado nessa atribuição.

  • Ter trabalhado esse ano: Se o trabalhador tiver exercido atividade remunerada, comprovada em carteira, por pelo menos 30 dias dentro do ano-base, e se essa remuneração for relativa à menos de dois salários mínimos, isso também garante à ele mais uma das condições à receber o benefício do PIS.

  • Estar incluído na declaração do patrão: Todo empregador declara, anualmente, uma relação sobre seus funcionários. Isso garante à ele benefícios sociais, relativos à impostos e condições de funcionamento. Se o empregador estiver em dia com a documentação da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), e se ele tiver declarado a sua atuação como funcionário vinculado à empresa, isso garante à última condição para o recebimento do PIS.

Se o usuário atender à esses quatro critérios que determinam a validade do recebimento, basta consultar nos canais de informação Caixa quando será disponibilizado o pagamento. Você também pode fazer essa consulta sozinho, se utilizando do site da Caixa Econômica Federal ou do 0800 PIS (0800 726 0207).

Quem é beneficiado pelo PIS?

Milhões de trabalhadores brasileiros são beneficiados pelo abono salarial dado pelo PIS 2019. Esse benefício acaba por se tornar uma espécie de décimo quarto salário, destinado ao trabalhador que receba até dois salários mínimos mensais.

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019

Estando dentro dos critérios pré-estabelecidos pelo Governo Federal, o trabalhador poderá fazer o saque do benefício do PIS. Vale lembrar que apenas os funcionários vinculados à iniciativa privada é que tem direito à esse benefício.

Está gostando do conteúdo? Deixe seu like nas rede sociais ao lado e ajude o site a crescer! Caso tenha alguma dúvida, basta comentar nas nossas redes sociais.

Cadastro PIS 2019

O PIS – Programa de Integração Social – é, basicamente, um número que identifica o trabalhador. Ele é cadastrado pelos empregadores, geralmente, no primeiro contrato de emprego. Através desse número o trabalhador tem direito a receber benefícios sociais, como Seguro Desemprego e FGTS, por exemplo.
Há três maneiras de realizar o cadastro do PIS.


Pela internet: Basta acessar o site da CAIXA e solicitar a senha para acesso através da internet. Tal senha precisa ser solicitada pelo representante legal da empresa. Digite o número do NIS – que pode ser encontrado no seu cartão cidadão – no campo indicado.

Após, preencha os campos indicados de forma correta. Após o cadastramento da senha, vá até uma agência da Caixa com os documentos a seguir:

  • Documentos da empresa e do representante legal;
  • Formulário FICUS/E devidamente preenchido e assinado;
  • Cópia do RG e CPF do usuário.

Em uma agência da Caixa: Se dirija a uma agência da Caixa de preferência próxima a sua empresa com os seguintes documentos:

  • DCN
  • Cartão do CNPJ ou matrícula no CEI.

No momento de retirar a senha de atendimento, explique que quer cadastrar o PIS de funcionários e o atendente irá encaminhar a mesa que poderá realizar o serviço.


Em lote: Se sua empresa é de grande porte e precisa realizar vários cadastros de uma vez, você pode optar por esse quesito, já que a segunda opção pode tornar o cadastro cansativo e te faça perder um tempo do seu dia na agência. Essa opção funciona em conjunto em grupo, assim como a primeira.

No site da Caixa você vai encontrar um arquivo de layout. Envie-o para a página onde cadastrou sua senha. A Caixa vai entregar o arquivo de volta com os cadastros que foram efetuados de forma correta.

Em caso de dúvidas, leia o Manual da Caixa. Você pode encontrá-lo no site.

Qual o valor do PIS?

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019O valor do pagamento do PIS é alterado de acordo com a quantidade de dias trabalhados no ano. Obrigatoriamente, só tem direito à receber esse pagamento o trabalhador que tiver atuado, no mínimo, 30 dias em regime de trabalho formal dentro do ano vigente.

Com isso, desde a Lei 13.134, de 2015, o valor do PIS 2019 passou a ser proporcional ao tempo de serviço do usuário no ano. A cada mês trabalhado com carteira assinada, equivale a 1/12 de salário mínimo, relativo ao valor do benefício.

Vale salientar que, se o período de trabalho for igual ou superior à 15 dias, ele contará como mês integral. Levando em conta o salário mínimo de R$ 954, é possível entender como funciona a tabela de valor do PIS. Veja abaixo:

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019

Analisando a tabela com os valores, fica fácil compreender o pagamento. Aqueles trabalhadores que exerceram atividade remunerada, recebendo até dois salários mínimos por mês, passam a ter direito ao saque do PIS logo no primeiro mês trabalhado. Quanto mais tempo vinculado ao emprego, maior será a cota do benefício no final.


O pagamento do benefício PIS pode ser realizado de algumas formas. Caso o trabalhador tenha conta corrente ou poupança na Caixa Econômica Federal, o valor poderá ser creditado diretamente na conta do usuário.

Os valores também podem ser sacados em caixas eletrônicos, Casas Lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui, se utilizando do Cartão Cidadão. Também é possível receber nos caixas da Agência da Caixa Econômica Federal, apresentando o número do PIS e um documento de identificação.

Caso tenha alguma dúvida a respeito sobre o que foi tratado acima deixe o seu recado agora mesmo, para que possamos lhe responder o mais breve possível. Boa Sorte!!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

QUEM TEM DIREITO AO PIS 2019 ↣ Consulta, Tabela e Valores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *